terça-feira, 7 de abril de 2009

Lendo Mário Quintana^^




Olá pessoal^^




Eu quero contar para todos vocês o quão mágico para mim está sendo conhecer mais a fundo a escrita deste sensacional poeta,Mário Quintana.


Ganhei este livro semana passada,e a cada página que eu leio eu deixo o meu mundo,o meu eu tão particular,cheio de vida....cheio de algo que é simples,algo que é POESIA.




E o que é a tão falada ''poesia''????




Para mim ela é como se perder,e num instante instanâneo se achar de novo....poesia para mim é VIDA,é filme,como diria o Cordel do fogo encantado...cheio de drama,aventura,mentira e comédia romântica...




Recomendo a você que gosta de simplicidade e poesia...Leia assim,como quem não quer nada ...leia Mário Quintana!!!!!!A seguir,dois dos que eu mais gosto^^






Bilhete

Se tu me amas, ama-me baixinho


Não o grites de cima dos telhados


Deixa em paz os passarinhos


Deixa em paz a mim!


Se me queres,enfim,tem de ser bem devagarinho, Amada,


que a vida é breve, e o amor mais breve ainda...




PROJETO DE PREFÁCIO
Sábias agudezas... refinamentos...


- não!Nada disso encontrarás aqui.


Um poema não é para te distraíres


como com essas imagens mutantes de caleidoscópios.


Um poema não é quando te deténs para apreciar um detalhe


Um poema não é também quando paras no fim,


porque um verdadeiro poema continua sempre...


Um poema que não te ajude a viver e não saiba preparar-te para a morte


não tem sentido: é um pobre chocalho de palavras.



Mario Quintana


9 comentários:

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Discordo de Mário, amar alguém tem que ser gritado, sussurrado e bem amado. O amor precisa escutar o que a voz do coração sente.

=]

Beijo, menina linda.

Esse seu coração vai voltar a bater feliz rapidinho.

Rebeca

-

tossan disse...

Eu concordo as pessoas que amam depressa, deixam de amar depressa. Boa leitura moça! Feliz Páscoa! Beijo

C. disse...

Dadivosa, será que amar tem velocidade, freio, ritmo, como diz Mário? Sei lá, acho o amor tem ttas caras. Até esse bilhete deve ter sido escrito num mmto de alguma ´cara`.

Tava cum saudadi :=)

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Joyece,texto espectacular...Feliz Pascoa....
Beijos

Philip Rangel disse...

Ja li alguns poemas dele....e gostei muitoo....

Cris Animal disse...

Oi Linda....eu sou suspeita, como vc! Amo Quintana. Amo esse jeito dele simples e escancarado de fazer poesia.
Ele tem verdadeiras obras-primas!

Aproveitando para lhe desejar uma REAl PÁSCOA. Muita luz e paz.

beijo
..............Cris Animal

Cadinho RoCo disse...

Mário Quintana é maravilhoso.
Cadinho RoCo

Celamar Maione disse...

Quintana é maravilhoso !
Sempre sábio na arte da poesia.
Quintana é Quintana.
Bela escolha !
Boa leitura e uma ótima semana.
Grande beijo !

John D. Godinho disse...

Draft of a Preface

Erudite sharpness...
refinement...
—no!
You’ll find none of that here.
A poem is not meant
to entertain you
like the changing images
in a kaleidoscope.

A poem is not when
you pause to enjoy a detail.
Nor is a poem finished
when you stop at the end,
because a true poem
goes on living forever...
A poem that does not
help you live and doesn’t
prepare you for death
is meaningless: it is
a poor rattle of words.

Mario Quintana
(translated by John D. Godinho)
Draft of a Preface in A Chest Full of Surprises