quinta-feira, 18 de março de 2010

Tempo de flores




Ultimamente a inspiração para novos textos e poemas tem me escapado......mas mesmo sem inspiração para escrever ''belas'' palavras,eu não deixei de pensar e pensar e pensar....
Estive olhando meus poemas mais antigos...e em um deles eu digo :

''Há uma poesia dentro de mim.

Sim,ela existe,está bem aqui...

Eu a vi ontem,veio do nada,chegou de repente.

Ela dorme comigo,

faz casa nos meus sonhos .''

Hoje posso dizer que esta poesia toda é puro sentimento...é um turbilhão dele que está em mim....É vontade de amar de novo,de amar sempre....não importa as dores,não importa o que aconteça......
É como a primavera...é como o inverno.....
Quando sofro tudo fica frio....minhas lágrimas caem como chuva fria e forte...uma enxurrada de lágrimas que caem toda a temporada.....mas depois vem a sêca.....e não mais do que de repente sinto cheiro de flores ao longe...sinto que o tempo de flores se aproxima.......E é o que estou a sentir agora.........
Depois de um inverno rigoroso em mim,sinto a temporada florida chegar....e estou feliz!!!!


Dedico este post a um guri que conheço há pouquíssimo tempo.....mas que me fez acreditar em encontros bacanas,e este quero que seja (já é) um encontro que vale muito a pena^^
Para vc uma letra linda de Francis Hime e Vinícius de Moraes,chamada ''o tempo da flor'', e ,também do poetinha,um belo poema declamado de forma lindíssima!

beeeeijos a todos vocês que me leem...logo volto^^


O TEMPO DA FLOR

Quem será que inventou
O tempo da flor
Que não dura mais
Que o tempo do amor?
E a tristeza do amor
Quem será que inventou?
Esse instante de paz
Que também se desfaz
Como o tempo da flor...
Quem será que inventou toda a dor
Desse instante de luz
Que antecede a manhã
E também se desfaz
Como o tempo do amor?
Quem será que inventou
A beleza do amor
O perfume da flor
Tanta poesia......




14 comentários:

Jão disse...

tempo de flores...enfim a primavera....

já é sim um encontro bacana...e no que depender de mim...vai ficar cada vez melhor...

Jão disse...

eu e vc
tão distantes e tão proximos
começou do nada e nada cobrou
apenas aconteceu
vc e eu e o resto do mundo
um encontro tímido e repentino
uma aproximação, um cruzamento de vias
algo que so pode explicar nosso amigo destino

Filipe disse...

Que lindo seus poemas, vc escreve tão bem tudona!!
beijos!
:)

Livinha disse...

Oi minha linda,
como está você?
A inspiração que nos chega, é qualquer uma que nos dar um sinal, a gente muitas vezes não a entende, mas ela aponta a todo instante...
Existem flores lindas e quantas delas vc sequer imagina que está brotando dentro de ti Joyce...

Ô minha querida, de fato, não tô lá muito legal não, mas faz parte, são os ventos que batem em nosso porto solidão...

Vou te procurar no kut kut viu

Bjs meus
Livinha

Cecília disse...

Primavera... tomara que não demore.

tossan disse...

Você é poesia. Linda edição. Repita o que é bom. Vale a pena. Beijo

Daniel Donson disse...

Nossa Joy, realmente, este post tá fantástico. "Eu vejo flores em você"...hehehe. E todos estamos nesta mesma vibe. Lembra um trecho de Clarice: "Oras, o que eu escrevo não muda nada. Na verdade a gente não está querendo mudar nada, a gente está querendo desabrochar de uma forma ou de outra". Besoss

Manuela Santos disse...

Olá Gatinha,
Tu és mesmo poesia e tens muito amor para dar, que o «sortudo» apareça, porque vai ganhar uma mulher sensível e com um coração enorme de afecto,
Beijocas,
Manuela

Ricardo Calmon disse...

Joyce Domingos,afilhada amada minha:após esse concerto para uma só voz ,como se fosse,essa pessoa tá mais que amarrada affmaria,piedade senhor ,dessa vulcanica sedução,livrai mininu esse!

bzito na almita Joycita linda!

huhuu Joyce apaixonada está!

C@urosa disse...

Olá minha cara amiga Joyce, muito lindo... sempre é tempo de flores, de magia, tempo da grande e imortal "poetinha".´Parabéns pela linda postagem.

Paz e harmonia para a amiga,

Forte abraço,

C@urosa

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Joyce, bela poesia...Espectacular....
Beijos

D.Ramírez disse...

Pois é, trabalhando aqui no sabado, acavei postando uma.rs
Não há poema de flor tao belo quanto tu bela flor..
Essa foi boa hem?.rs
Adorei o poema Joy;)

Besos

Francisco II disse...

Oi minha amigona!

Fechei o meu "Banheiro". Os motivos estão lá no post.
A vida as vezes nos impõe mudanças...
Meu novo blog é http://pensologosurto-francisco.blogspot.com
Te espero lá!
Um beijãozão!

Fatima disse...

Oi minha flor,
vim te ver e deixar meu bj.