sexta-feira, 6 de agosto de 2010

DESCOBERTA...


Escrevi este texto ontem,e estou insegura quanto a ele,como sempre fico,rs....Aguardo a opinião de vocês...e espero que gostem...inclusive da música,que é uma delícia ^^ Beijooss...logo volto ♥


DESCOBERTA

Numa noite insone como tantas outras ela sentiu uma estranha inquietação.

Alternando doses de uísque e cigarros sabor cereja, ia de janela em janela na sua casa,constatando uma enorme carência que fazia arder em sua pele.

Acendeu outro cigarro, e bebericando mais um gole da bebida, seu pensamento viajou para uma atmosfera de muitas fantasias.Se olhou num enorme espelho e viu diante de si uma mulher reprimida,mas ainda assim,linda...cheia de encantos.

Um pouco zonza e talvez encorajada pelo efeito entorpecente das várias doses que tomou, se desnudou ali mesmo ,em frente de si,e o vento que ali bateu a faz arrepiar.

No compasso do r&b que tocava em som ambiente, ela fechou seus olhos e começou uma dança onde ela era sua própria partner.Concentrada na sensualidade daquele som,entrou num ritmo que até então desconhecia:era o ritmo do seu corpo,que respondia positivamente a cada estímulo dado por si de forma intensa,gostosa.

Eram quadris, coxas,pés,seios e cheiros numa dança só....um fluxo crescente.

O ar esquentou... as batidas do r&b também...Entre o clímax do som e as doses de uísque e as fantasias que tomou,ela gozou de um prazer diferente e intenso:era um prazer pessoal...que dependia de seu próprio corpo para acontecer....prazer singular e dela...somente dela!

Foi dormir no meio daquela madrugada, desta vez tranqüila e com um sentimento de enorme liberdade e consciência que enfim se pertencia.



18 comentários:

Rebeca disse...

Como sempre escrevendo textos brilhantes, Jo. Esse texto descreve exatamente aquele desejo contido das mulheres e o tabu que cria repressão em determinados assuntos. Como te disse, sinta toda liberdade! beeijos, R

Cristiano Contreiras disse...

Sensual, quente e denso!

Parabéns! rsrs

brnoliver disse...

Fique mais confiente pois esse e todos os outros textos são belissimos, gostei desse pq mostra uma liberdade noturna que todos desejam e foi expressado muito bem por vc, parabens Baby!

Cecília disse...

Lindo! Amei.. vc ja ouviu minha opinião ne?

Manuela Freitas disse...

Olá querida Joyce,
Tu escreves muito bem. O texto é muito sensual e erótico, a descoberta do corpo e o conhecimento desse corpo, muito normal!...
Beijinhos e bom fim-de-semana,
Manú

Mikaela. disse...

Muito bom. Adorei o texto e o seu blog. :) Estou tentando fazer um blog, mas não está sendo nada fácil. rsrs... Quando estiver no ar: eu te aviso.

Um beijo #intenso,
Mikaela.

Lou Albergaria disse...

Essa é a minha garota! Vai escrever bem assim lá longe!

Belíssimo texto! E me identifiquei muito com ele: uma mulher que se pertence antes de qualquer coisa!

Adorei!!! Deixe de lado essa insegurança! Você é magnífica! Eu leio muito textos todos os dias e o seu é muito especial, pois tem um estilo bastante peculiar. Você sabe impor a sua marca, o seu ritmo.

Maravilhoso! É só o que posso dizer.

Tenha uma linda noite e um excelente final de semana! Paz, harmonia e muito amor sempre!!!!

Beijos!!!!

Amanhã vai ter surpresa pra ti no Loba. Depois te aviso!

Sua escrita me vicia. Sempre que vejo que postou coisa nova, venho correndo ler. Seja segura, pois você é muito boa!

Livinha disse...

Lindo minha menina.
Nada de vulgar mas o exteriorizar de si mesma.
Bem como assim você descreve no fim a sensação do se pertencer, do ser dona de mim e que ninguém ouse pensar ou achar que pode fazer a maestria da tua dança.

Adorei!

Bjs mocinha

Livinha

Lou Albergaria disse...

Joyce,

Há 2 presentinhos para você na Loba.

Linda canção que escolheu para seu post!

BEIJOS!!!!

Luigi disse...

Adorei seu post...muito marcante o texto, senti-o plenamente. Você devia escrever mais nesse estilo. Beijos!!!

Filipe disse...

Texto super sensual imaginei a cena e me senti; aahh... prefiro nao comentar!!! hahaha
Gosto quando vc escreve textos nesse estilo, ficou bom pakas..
Beijos tudona gata !!!

Tâmara disse...

Lindona, que texto quente!

é por isso que eu acho que orgasmos devia ser um ato público.

Beijjossssss

Tâmara

Manuela Freitas disse...

kiss for you

tossan® disse...

Lembrei agora uma das primeiras vezes qu evisitei o teu blog e li um texto muito legal que continuava e naté hoje não sei o fim. Depois você me conta? Este também é muito bom! Beijo

Garota Venenosa do ISCA disse...

JOY!! vc foi ssuper delicada e deliciosamente sucinta. Adorei o final, isso é se pertencer! Bjaoo preciso te ver em sampa!:P

Garota Venenosa do ISCA disse...

Gata, sou eu, Dani Donson, ok?! bjaoooo

Viviane Moraes disse...

Insegura onde?? que não vejo, seus textos estão cada vez mais facinantes !!

Bjs..*-*

ps: brigada pelo carinho do desafio musical, está pronto...

LEO disse...

Obrigado pela visita!
BJSSS
LEO