terça-feira, 25 de novembro de 2008

João e Maria (e a minha solidão)


Hoje eu acordei me sentindo meio só.....


Eu concordo com a canção que diz que ''....eu preciso aprender a ser só...'',mas para mim é difícil....


Tem músicas que falam alto no meu coração quando me sinto assim...precisando de carinho,de afago.......


E tem uma do Chico Buarque em especial que quando ouço me traz algo de ternura,uma vontade de chorar,de sorrir......e é João e Maria.......


Espero que vocês se sintam abraçados por mim agora,que vou postar esta música....


...meu blog faz eu me sentir abraçada por vcs e é minha forma de colocar pra fora meus sentimentos sem medo de ser piégas......


aí está então:


João e Maria


Agora eu era o herói

E o meu cavalo só falava inglês

A noiva do cowboy

Era você além das outras três

Eu enfrentava os batalhões

Os alemães e seus canhões

Guardava o meu bodoque

E ensaiava o rock para as matinês

Agora eu era o rei

Era o bedel e era também juiz

E pela minha lei

A gente era obrigado a ser feliz

E você era a princesa que eu fiz coroar

E era tão linda de se admirar

Que andava nua pelo meu país

Não, não fuja não

Finja que agora eu era o seu brinquedo

Eu era o seu pião

O seu bicho preferido

Vem, me dê a mão

A gente agora já não tinha medo

No tempo da maldade

acho que a gente nem tinha nascido

Agora era fatal

Que o faz-de-conta terminasse assim

Pra lá deste quintal

Era uma noite que não tem mais fim

Pois você sumiu no mundo sem me avisar

E agora eu era um louco a perguntar

O que é que a vida vai fazer de mim?

8 comentários:

tossan disse...

Existe uma música, se eu não me engano, Gil que canta uma gravação antiga dele que diz: Eu preciso aprender a só ser, que é uma resposta a esta.
A segunda que vc escreveu a cópia da letra é muito linda e atual. Bj

D.Ramírez disse...

Depois diz se vai dar em algo, está claro q vai, já está dando!!! Talentoso texto e gostoso de ler. Adorei;)
Besitos

Gleidston dias disse...

Muito bem narrado o texto, passou sentimentos e emoçoes para quem lê, a musica é linda, e para retribuir sinta abraçada por mim,e dia feliz para voce hoje e sempre,bjss!!!!

Tatiana disse...

Que bom estar aqui!
Ler suas palavras...
Relembrar a doce canção!

Que os bons ventos sempre possam me trazer aqui novamente!

Beijinhos

LuzdeLua disse...

Não hás de ficar só então, pois este cantinho promete juntar muitos amigos pelo bom gosto das palavras.

"Mesmo que as pessoas mudem e suas vidas se reorganizem, os amigos devem ser amigos para sempre, mesmo que não tenham nada em comum, somente compartilhar as mesmas recordações."
Vinícius de Moraes

Passando, deixo-te um abraço amigo

O Profeta disse...

Sou palavra perdida no silêncio
Gerada no ventre do Mar
Grinalda de perdidos sonhos
O passado do verbo amar

Amei!
Voar na chegada de cada Primavera
Pintar de luz as cores do verão
Pisei o tapete das folhas de Outono
Acendi em cada inverno uma fogueira de paixão


Convido-te ao encontro com o meu “Eu”


Mágico beijo

Celamar Maione disse...

Joyce
Sentimento nunca é piegas, viu ?
Quem dá algo de bom para alguém,assim como você, que nos empresta suas palavras, nunca está só.
Todos nós nos sentimos assim em algum momento da vida.
Somos como a natureza, num dia amanhecemos com a alma nublada, já no outro, o sol brilha intenso dentro de nós.
Grande beijo pra ti !
Bons ventos de energia.

andre disse...

nossa belos contos , lindas palavras , otimos pensamentos
estás de parabens minha cara

ass andrézito
bjss